sábado, 7 de novembro de 2015

Vamos repetir todos...

Usar H&M não é usar Balmain.

Pelo menos dez vezes antes de cada refeição.

14 comentários:

  1. qual é a diferença?
    (não conheço Balmain)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ao que tudo indica, Balmain, que é uma casa de moda francesa fundada por Pierre Balmain, que morreu em 1998. Actualmente está "nas mãos" de Olivier Rousteing, um designer de moda francês. O hype à volta desta polémica centra-se no facto da H&M ter feito uma colaboração com a Balmain, tendo assim algumas peças desta importante e prestigiada casa de moda francesa à venda na H&M. Para muita gente, comprar peças da Balmain na H&M é a mesma coisa que as originais, mas pronto, existem diferenças. O que é certo, é que a loja do Chiado da H&M que tinha os ditos artigos à venda, esgotou em poucas horas, lol! xD

      Eliminar
  2. Desconheço Balmain...e já fui ao google pesquisar lol.

    ResponderEliminar
  3. Respostas
    1. Aqui foi a loucura, continuo sem perceber.

      Eliminar
  4. É mais uma das alianças da H&M. Trás notoriedade e pub à H&M, mas às marcas de luxo não sei bem o que trás...apetência para depois consumirem outros produtos das primeiras linhas da marca?? Não acredito.
    Também não percebo a loucura. Mas deixa-os, assim sobre quem comentávamos nós???

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não acredito que seja para consumirem mais H&M mas sim para criar vendas estrondosas em pouco tempo até porque a linha da Balmain não tem nada a ver com o resto da H&M.

      Eliminar
  5. Concordo com o Anfitrião: dá notoriedade a uma e desprestigia a outra.
    Mas uns e outros saberão o que pretendem.
    Abc

    ResponderEliminar
  6. Era mais uma piada ao que se via pelas redes sociais não era necessariamente uma análise profunda. :)

    Abraço.

    ResponderEliminar